Assine e receba a edição em casa

Vídeo Institucional

Cuiabá, Dezembro de 2019

Expediente Login
Almanaque Cuiabá

A vida do criminoso

“A vida do criminoso” (1927) no jornal A cruz trata da fuga de um homem que cometeu toda espécie de crime e se vê perseguido por todos os lados, até lhe vir a ideia de suicídio.

Tamanho do Texto A+ A-

Ao pé de uma árvore pensa em cometer tal ato quando lhe surge a imagem de uma espécie de anjo, seguida de outra esquelética lembrando a imagem da morte. Assim, de um tormento ao outro pela recordação das atrocidades cometidas, o criminoso chega ao arrependimento, pede perdão a Deus e se entrega à justiça dos homens. Embora lhe custe deixar a esposa, os filhos, os velhos pais, enfim sua família e a cidade onde viveu sua infância, o fim da vida fugidia foi mais importante. O encerramento do conto se dá por um tom moralista em que o narrador exorta os homens a viver longe da criminalidade.

 

Fonte:
Madalena Machado (Recortes extraídos de contos publicados no jornal A cruz, por Severino Queirós)
VOLTAR AO TOPO

    Compartilhe

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter