Assine e receba a edição em casa

Vídeo Institucional

Cuiabá, Novembro de 2019

Expediente Login
Almanaque Cuiabá

Os vizinhos

Os vizinhos

O próximo conto de J. Terra, “Os vizinhos” trata da vida de Jesuíno e seu Antônio.

O primeiro, dono de uma barbearia, um bilhar e um armazém, mudara-se há pouco tempo para o lugar onde há anos morava Antônio, de hábitos regulares. Jesuíno, por ser aposentado, tinha como maior distração olhar os passantes, principalmente no entorno do armazém porque morava justo em frente ao local. Este fato passa a chamar a atenção das pessoas, culminando assim em falatório; a esposa de um diz que Antônio havia comentado que Jesuíno era o único vadio da rua, o que chega aos ouvidos deste não atribuindo importância ao fato. O que mais irrita seu Antônio é o fato de Jesuíno todos os dias, por volta das cinco, cinco e meia da manhã acordar e fazer estardalhaço com seus bocejos.

Os dias transcorrem iguais até que numa certa ocasião em que Jesuíno acorda é surpreendido pela janela aberta da casa de Antônio, fato que mais tarde fica sabendo ser a filha mais nova 95 Edição nº 010 - Julho 2011 deste que havia morrido vítima de sarampo. Então, Jesuíno tocado pelo acontecimento, toma seu terno negro e vai até o vizinho externar seus sentimentos assim como se encarregar pessoalmente de todos os atos necessários. Desse momento em diante surge uma longa e terna amizade entre os vizinhos não importando os mexericos anteriores.

    Compartilhe

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Os vizinhos

Enviando Comentário Fechar :/