Assine e receba a edição em casa

Vídeo Institucional

Cuiabá, Novembro de 2019

Expediente Login
Almanaque Cuiabá

A histórica fábrica de pólvora do coxipó

A histórica fábrica de pólvora do coxipó

A “Fábrica de Pólvora do Coxipó”, foi instituição militar instalada em Mato Grosso em fevereiro de 1864.

Teve igualmente, função de zelar pelo bom funcionamento do armamento usado na defesa do Império.

Produzia pólvora e carvão para o Arsenal de Guerra, além de cuidar dos estoques de pólvora da Província de Mato Grosso, até o encerramento de suas atividades, em 1906. Conforme afirma o professor Ednilson Albino de Carvalho, sinaliza também, o desfecho do conflito político/militar, protagonizado pelas elites de Mato Grosso, com a morte do então presidente do Estado “Totó Paes de Barros”. 

O local, que recebeu várias denominações (Arraial da Forquilha, Paragem Forquilha, Arraial de Cima ou Capela, Terra dos Índios Coxiponés), é hoje o Distrito do Coxipó do Ouro, situado à margem direita do Coxipó Mirim e onde se escondem as ruínas da Fábrica de Pólvora do Coxipó, distante 25 quilômetros do Centro da capital.

Ao ser construída nesta região, se caracteriza historicamente por conflitos relacionados à ocupação das terras fronteiriças ao direito de livre navegação nos rios Paraguai e Paraná. Teve igualmente, função de zelar pelo bom funcionamento do armamento usado na defesa do Império.

    Compartilhe

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para A histórica fábrica de pólvora do coxipó

Enviando Comentário Fechar :/